Os Indicados ao GLAAD Media Awards

Comentarios

O GLAAD Media Awards  é uma premiações de diversos veículos midiáticos que representam a comunidade LGBT. Criado em 1990 pela ONG estadunidense Gay & Lesbian Alliance Against Defamation  (GLAAD), o evento não tem só categorias de filmes, séries e músicas, mas também de documentários, telenovelas, talkshows, reality shows, telejornalismo, artigos de jornais e revistas, quadrinhos, jornalismo digital, blogs e categorias específicas à comunidade latina estadunidense e demais países hispanofalantes. É muito prêmio!

As cerimônias acontecem em Los Angeles no dia 21 de março e em Nova York no dia 9 de maio e os indicados, por sua vez, foram revelados hoje. Entre eles temos gente como Laverne Cox, que concorre na categoria de "Melhor Documentário" com Laverne Cox Presents: The T Word e os músicos Sam Smith, Mary Lambert e Angel Haze, concorrendo por seus últimos discos.

Na categoria de "Melhor Filme para TV e Minissérie" há apenas o excelente drama da HBO The Normal Heart, enquanto várias séries de sucesso - que direta ou indiretamente retratam o assunto - como Game of Thrones, Orphan Black, How to Get Away with Murder, Looking, Orange Is The New Black e Transparent aparecem entre os concorrentes das demais categorias televisivas.

Outros pontos interessantes são as indicações do filme brasileiro Hoje Quero Voltar Sozinho, em "Melhor Filme de Veiculação Limitada".

Acompanhe alguns indicados:

Melhor Filme - Grande Veiculação:
The Imitation Game (The Weinstein Company)
Love is Strange (Sony Pictures Classics)
Pride (CBS Films)
The Skeleton Twins (Roadside Attractions)
Tammy (Warner Bros. Pictures)

Melhor Filme - Veiculação Limitada:
Dear White People (Lionsgate)
Life Partners (Magnolia Pictures)
Lilting (Strand Releasing)
Hoje quero Voltar Sozinho (Strand Releasing)
Will You Still Love Me Tomorrow (Film Movement)

How to Get Away with Murder (ABC)
Last Tango in Halifax (PBS)
Masters of Sex (Showtime)
Orphan Black (BBC America)
Pretty Little Liars (ABC Family)
Shameless (Showtime)

Melhor Série de Comédia:
Brooklyn Nine-Nine (FOX)
Faking It (MTV)
Glee (FOX)
Looking (HBO)
Modern Family (ABC)
Orange Is the New Black (Netflix)
Please Like Me (Pivot)
Sirens (USA Network)
Transparent (Amazon Instant Video)
Vicious (PBS)

Melhor Disco:
Against Me!, Transgender Dysphoria Blues (Xtra Mile Recordings)
Angel Haze, Dirty Gold (Island Records / Republic Records)
Mary Gauthier, Trouble & Love (In the Black Records)
Mary Lambert, Heart on My Sleeve (Capitol Records)
Sam Smith, In the Lonely Hour (Capitol Records)

Melhor História em Quadrinhos:
Hawkeye, escrito por Matt Fraction (Marvel Comics)
Lumberjanes, escrito por Noelle Stevenson, Grace Ellis (BOOM! Studios)
Memetic, escrito por James Tynion IV (BOOM! Studios)
Rat Queens, escrito por Kurtis J. Wiebe (Image Comics)
Saga, escrito por Brian K. Vaughan (Image Comics)
 


#Compartilhar: Facebook Twitter Google+ WhatsApp Linkedin Technorati Digg