Quando a realidade e a animação se encontram

Comentarios

No início desse ano tivemos a estreia do filme "Bob Esponja: Um Herói Fora D'Água", que mistura de uma forma bem divertida a animação 3D com cenários e atores reais. Mas ele não foi o primeiro e nem será ao último a fazer esse tipo de coisa, a ideia de misturar a realidade com desenho animado vem desde o começo da história da animação. Tivemos vários filmes que fizeram isso e aqui vamos relembrar alguns:

Marujos do Amor (1945)

Temos a icônica cena do ator Gene Kelly contracenando e até dançando com o personagem Jerry, o ratinho do desenho Tom & Jerry, no filme “Marujos do Amor” de 1945. A intenção dos produtores era fazer Gene Kelly dançar com Mickey Mouse, mas a Disney não cedeu o personagem para um filme dos estúdios MGM.


A Canção do Sul (1946)

Foi o primeiro filme da Disney a utilizar atores reais interagindo com animações, um avanço na época. Traz como personagem central, Tio Remus, um grande contador de histórias. Através de suas "fantasias", dá lições de vida àqueles que gostam de ouvir as desventuras do Coelho e suas eternas tentativas de ludibriar a raposa e o urso. O filme gerou polêmica na época, sendo acusado de ser racista e até hoje só foi lançado em VHS no Brasil e nunca saiu em DVD/Blu-Ray nos EUA e no resto do mundo.


Mary Poppins (1964)

Musical da Disney baseado nos livros de mesmo nome da escritora P. L. Travers. Ganhou 5 dos 11 Oscars aos quais estava competindo e se tornou o filme da Disney mais premiado até a época. Mary Poppins foi totalmente rodado em estúdio, sem cenas externas.


Se a Minha Cama Voasse (1971)

Vencedor do Oscar da Academia para Melhores Efeitos Visuais, "Se a Minha Cama Voasse" é uma fascinante combinação de animação com imagem real que o tornaram num dos mais apreciados clássicos da Disney. Se a Minha Cama Voasse é baseado nos livros de Mary Norton, sobre uma bruxa aprendiz.


Uma Cilada para Roger Rabbit (1988)

Inovador na época de seu lançamento, Uma Cilada pra Roger Rabbit veio para salvar a Disney que nos anos 80 vinha passando por tempos difíceis. Além dos surpreendente efeitos especiais, o filme tem um ótimo roteiro com uma trama policial. O filme foi produzido em parceria com Amblin Entertainment, estúdio de Steven Spielberg. Destaque para a cena de disputa de pianos entre Patolino e Donald e a cena final aonde aparecem Pernalonga, Mickey Mouse, Pica Pau e outros personagens de diversos desenhos animados. 


Mundo Proibido (1992)

Jack Deebs (Gabriel Byrne), um desenhista de história em quadrinhos, é levado pela sexy Holli (Kim Basinger), uma criação sua, a um mundo paralelo no qual os desenhos têm vida própria. Mas o grande sonho de Holli é ter sexo com seu criador, para tornar-se uma humana e poder fugir para o mundo real. Brad Pitt, no começo de sua carreira, participa desse filme.


Space Jam - O Jogo do Século (1996)

Alienígenas querem que Pernalonga e sua turma tornem-se a principal atração de um parque de diversões. Prestes a ser capturado, Pernalonga propõe jogo de basquete em troca de sua liberdade. E para enfrentar o temível time dos Monstars alienígenas, o coelho convoca um importante reforço do basquete americano. Space Jam foi filmado exatamente no período em que Michael Jordan havia trocado o basquete pelo baseball. Essa transição, inclusive, faz parte do roteiro do filme.


Pagemaster - O Mestre da Fantasia (1994)

Com o intuito de fugir da tempestade, o jovem Richard Tyler (Macaulay Culkin) abriga-se em uma biblioteca, onde conhece um excêntrico bibliotecário (Christopher Lloyd) que o levará em uma inusitada viagem no mundo literário ilustrado, encontrando e conhecendo diversos clássicos da literatura. O falecido ator Leonard Nimoy (Sr. Spok de Star Trek) dubla um personagem nesse filme.


O Pequeno Stuart Little (1999)

Baseado no livro "Stuart Little", de Elwyn Brooks White, conta a história de Stuart (Michael J. Fox) era um rato abandonado que vivia num orfanato, junto com outras crianças. Até que a família Little decide adotar um irmão para seu filho George (Jonathan Lipnicki) e se apaixona pelo carisma do pequeno ratinho. Stuart é então adotado e passa a lidar com divergências com Snowbell, o gato da família, e o próprio irmão, que não o aceita. Ganhou duas continuações e um desenho animado para a TV no canal Nickelodeon.


Os Smurfs (2011)

Famoso pelo desenho animado dos anos 80 produzido pela Hanna-Barbera, Os Smurfs ganharam o seu primeiro longa metragem em 2011. Na história Gargamel (Hank Azaria) finalmente encontrando a vila dos Smurfs. No desenho seu desejo era transformá-los em ouro; no filme, Gargamel quer capturar os Smurfs para tê-los como amuletos. Assustados, liderados pelo Smurf Desastrado, os pequeninos entram numa gruta proibida. Como é lua cheia, eles acabam transportados por um portal para o Central Park, em Nova York. Lá, Desastrado, Ranzinza, Smurfette, Gênio, Papai Smurf e Valente encontram refúgio com o casal vivido por Neil Patrick Harris e Jayma Mays. Em 2013 ganhou uma sequência.


#Compartilhar: Facebook Twitter Google+ WhatsApp Linkedin Technorati Digg